sexta-feira, abril 09, 2010

recalcamentos

Acho divino o ódio de estimação de um dos meus professores, que por sua vez, o transmitiu ao seu discípulo dizendo: Tomai e fazei crescer nos aprendizes este ódio que nutro por essa instituição da concorrência que tanto me atormenta!

Nunca vi ninguém falar tão mal da tal instituição, nem eu tanto a maldisse quando arrumei as minhas malas e saí sem bater com a porta. Mas esta alminha e o seu discípulo, nutrem um real ódio, tão aguçado e forte que quase é palpável pelos alunos... eu, para mal dos meus pecados (aos olhos dele), vim transferido de lá, devo ser a própria personificação do demónio!

Como é óbvio, prefiro ficar calado, pois ele, e o discípulo, é que têm o poder de toda a decisão final sobre qual poderá ser o resultado de seis meses mal dormidos, mas, e como sempre há um mas, já estive tão perto de lhe chamar mentiroso... pelo menos um vez em cada aula uma vez por semana... talvez mais tarde lhe pergunte "Afinal você queria era ir para o técnico, não era?" e consiga com tal pergunta fazer o restante puzzle daquela cabeça cheia de recalcamentos!
Enviar um comentário