segunda-feira, abril 11, 2011

consciência

Eis uma coisa que me anda a "atormentar"! Não prometi fazer nada nas anteriores eleições e que agora esteja a fazer o completo oposto, nem nada que se pareça! O que me atormenta é a consciência da relatividade do tempo.
Esse "filho de uma senhora de vida fácil" parece ter perdido a noção de como se deveria comportar para com as pessoas! Há sete anos que estou a trabalhar no mesmo sítio, há dois que estudo à noite, há 15 que lançaram o álbum que estou a ouvir neste momento, há 17 que faleceu o maior piloto de todos os tempos, há 14 que tenho carta, há quatro que tenho o E30, há cinco anos que o "veículo" de trabalho é quadrúpede...
Ele, o tempo, perdeu a noção de como se deveria comportar... qualquer dia, pelo andar da carruagem, ainda aparece num jornal qualquer uma notícia de página inteira com o título: "Tempo detido por excesso de velocidade" - e uma fotografia em que um qualquer elemento de uma força policial, de cara pixelizada, o ajuda a entrar para o carro patrulha... onde irá isto parar?!
Enviar um comentário