sábado, março 21, 2009

segurex

Numa feira deste tipo, onde as forças de segurança e de emergência enchem o peito e mostram as penas de pavão ao "povo", posso imaginar uma situação... a do assaltante mais desafortunado do mundo!
Entrar de cara tapada disparando um tiro para o ar com a caçadeira... pum!... e, psp, goe, gnr, gips, sepna, bt, cinotécnicos, pf, sef, e os outros de que não me lembro, cair-lhe-iam em cima mortinhos por fazer a detenção, no meio da confusão, o pessoal da ana (os dos aeroportos) teria de usar os jactos de água para afastar a multidão de cima do pobre assantante, que por esta altura, estaria, no mínimo amarrotado (e mordido dos cães), bombeiros e inem acorreriam ao local (mesmo ali ao lado) e tratavam de imobilizar o pobre desgraçado com coletes, colares, fitas, planos rígidos e afins, e para arrumar o trabalho, os serviços prisionais, tratariam de o arrecadar logo de seguida (também estavam mesmo ao lado do pessoal da emergência médica)... havia de ser bonito!
De quem seria a detenção?... Pessoalmente acho que deveria ser atribuida aos representantes do stand mais próximo à entrada do assaltante em cena... era justo, sempre teriam sido esses os primeiros a dar-lhe umas palm... errr... uns mimos! Eu queria dizer "uns mimos"... assobia!
Enviar um comentário