sexta-feira, maio 23, 2014

"eu sei o que lhe vai acontecer em 2014"

Passando uma vista de olhos à caixa de correio electrónico deparei com uma mensagem com o assunto "eu sei o que lhe vai acontecer em 2014" de um "serviço" de vidência personalizada. 
A novidade é que, esta vidência, é apenas para meio ano, logo a probabilidade de falhar é menor mas é também (mais) inútil que se fosse uma previsão anual. Vejamos...
Nos próximos seis meses tenho um período de férias (vai fazer uma viagem...uuuuuuh), faço anos na segunda metade do ano, há o natal, os santos, os encontros de grupos ao fim-de-semana, cerca de metade dos aniversários dos amigos e da família, o fim do ano e o aniversário da gata (vai juntar-se com a família e amigos... uuuuhuuh!), o tribunal constitucional parece que vai chumbar as medidas dos cortes nos ordenados e o governo vai arranjar/inventar maneira de carregar nos impostos para equilibrar as contas (a sua situação financeira vai melhorar mas seja cauteloso nos gastos... uuuuh!), a minha respectiva é tão desarrumada quanto eu e desde que está a ter cuidado com a linha dou comigo a olhar para ela como se não houvesse mais ninguém no mundo enquanto me tenta constantemente convencer a ir correr com ela (vai manter-se muito apaixonado mas nem tudo é um mar de rosas... uuuhuuuuhuuuuuh!), tenho que fazer a revisão ao carro, meter-lhe um par de pneus, pagar o seguro, pagar o IUC
e fazer a inspecção (vejo aqui que vai ter despesas acrescidas em breve.... uuuuuuuh)... fazer previsões a meio ano é demasiado fácil, tão fácil que ainda me dedico a isto só para contornar as sucessivas medidas de corte e costura dos dirigentes (do país e da instituição onde trabalho)!
Enviar um comentário