terça-feira, agosto 05, 2008

thoughts about electric sheep

"do androids dream of electric sheep?" de Philip K. Dick

O futuro passado em 1992 é já passado... uma humanidade auto-destruida, como numa outra qualquer "novela" pós-apocalíptica, e máquinas. Muitas máquinas! Capazes de se passar por homens e mulheres, com a capacidade de serem grandes artistas, de imitar a emoção e a reacção emotiva... mas incapazes de tomar conta de um ser vivo. São incapazes de tomar conta de um animal, pois a vida não tem valor, e a sua compreensão sobre os diferentes seres "inferiores" leva ao sadismo de desmembrar um animal (uma aranha), só para observarem, se ele conseguiria andar à mesma.

Ao fim da última página, fica-me uma pergunta, estaremos (nós, como humanidade) lentamente, e fatidicamente, a caminhar para nos tornarmos máquinas/autómatos sem sentimentos "verdadeiros", e sem noção de valor da vida alheia?
Enviar um comentário