quarta-feira, janeiro 02, 2008

e o primeiro post do ano vai para...

... José Diogo Quintela!

Parece que o rapaz dos Gato Fedorento foi apanhado com um copito, ou antes, uma garrafa a mais na noite de passagem de ano.
Até aqui nada de estranho, no mesmo estado estariam certamente muitos outros automobilistas, mas não posso deixar de me perguntar: Será o tratamento que o Diogo vai receber igual ao que recebeu o Luisão do Benfica?
Ah! E alguém avisou os responsáveis do Guiness Book of Records? É que estou convicto que esta terá sido a mais demorada bebedeira ao volante! José Diogo Quintela ajudou a celebrar, em conjunto com os restantes elementos do Gato Fedorento, o reveillon 1984-85 (e isto é inegável e irrefutável, todo o país soube e viu) e acusou 1.6 gramas de álcool por litro de sangue num teste de balão realizado em 2008 quando se deslocava no seu automóvel para casa imediatamente a seguir ao espectáculo... ora, isto prefaz, assim por alto, qualquer coisa como 23 anos embriagado ao volante! E sem acidentes!
Diogo, até podes ser um humorista fraquinho, mas como automobilista, és o maior!
Enviar um comentário