terça-feira, outubro 04, 2011

maça

Pelos vistos o público (inclusive os investidores mundiais) não gostou das novidades da Apple Inc., o iPhone passou de 4 para 4S e as acções desceram 10%... há dois tipos de clientes do iPhone, um que compra pelo gadget que o iPhone é, com todas as suas possibilidades (quase infinitas) a nível de software, e outro que compra porque é, digamos, moda, porque fica bem e parece bem. Se o primeiro é bem capaz de trocar de telefone para a geração S pela melhoria da máquina em si (e também pelo que disseram na apresentação, o novo 4S é capaz de fazer muita coisa apenas ouvindo o "dono" falar, para já, se o "dono" falar Português não há telefone que o vá entender), o segundo, visto que a nível de design não fica "desactualizado" é bem capaz de se manter com o que tem.
Pela minha parte fico-me com o que tenho pois não me parece que justifique o investimento e, afinal de contas, a música cá por casa nunca foi tão portátil e versátil, basta ligar directamente na aparelhagem e ter a rede sem fios ligada, com tanta variedade de aplicações musicais disponíveis na App Store, é só escolher o tipo de música, a rádio (nacional ou estrangeira), ou até, recorrer aos serviços do sapo/meo na sua aplicação Music Box... é só escolher! Estou, a bem dizer, muito satisfeito assim.

Para quem aqui quiser mandar vir que o iPhone é mau e que o Android é que é bom... poupem-me! Não quero saber dessa guerrinha de comprimentos de pila!
Enviar um comentário